Horizonte de Eventos

Reflexões sobre a vida, o universo e tudo mais

Diário de Férias: 24/11/2011

A preguiça foi grande, mas a vencemos logo cedo e rumamos à Curitiba. A viagem foi boa, talvez por ser dia de semana, não houve nenhum problema de trânsito ou acidente na estrada, no entanto pegamos grande lentidão em vários trechos, de Itariri até a divisa do estado. Apesar de ter atrasado nossa chegada em uma hora, fiquei contente por estarem arrumando a pista, principalmente os trechos de serra, pois são bem perigosos e estavam bem acabados. Não havia suspensão e amortecedor que resistisse a tantos buracos e desníveis.

Fizemos duas paradas rápidas, a primeira foi no Fazendeiro e a segundo no Graal. No primeiro, a parada foi apenas para utilizarmos o banheiro, já no segundo fizemos uma comprinha: Cubos de doce de leite e uma revista SuperInteressante para minha esposa ler no carro durante o restante da viagem.

Ao chegarmos em Curitiba tivemos nosso primeiro contratempo: as obras da cidade. Curitiba está passando por diversas obras, o que nos levou a desvios do trajeto planejado pelo GPS (Google Maps), além de mudanças de sentido das vias. Apesar disso chegamos a localização do Hotel Brasília, porém como o mesmo está localizado no Centro, não possui estacionamento. Assim tivemos que estacionar a uma quadra de distância, em um estacionamento conveniado, no entanto, ao chegar lá descobrimos que o mesmo não era do mesmo valor que nos foi informado por telefone, mas pegamos as malas e voltamos até o hotel. Fizemos o check-in e relaxamos uns 10 minutos antes de ir almoçar.

Saímos para almoçar a pé, fomos até o Shopping Müller, que ficava a 2 quadras do hotel. O Shopping não é ruim, porém tem um problema sério com informações e sinalização. As placas raramente são encontradas e quando o são, indica o caminho incorreto. Levamos um tempinho para chegar a Praça de Alimentação, mas chegamos. Não tínhamos muita opção, pois já era 16 horas e nenhum restaurante estaria aberto esta hora.

Almoçamos no It’s Grill, uma boa opção na praça, com boas opções de pratos. Nossa escolha foi obviamente “carne”. Minha esposa escolheu um prato de picanha com salada, enquanto eu peguei medalhões de filé mignon com acompanhamentos. Ambos pratos estavam excelentemente saborosos e apresentáveis, no entanto a quantidade é pouca, sendo assim, não recomendo para quem está com fome de leão. Não era o nosso caso, pois levamos alguns lanches para a viagem, e fizemos as paradas no caminho.

Deixamos para explorar o shopping a noite, pois a tarde estava acabando e não daria para fazer muita coisa. Saímos de lá e fomos para o “Passeio Público”, um excelente parque, com bastante flora e fauna. Um lugar muito bonito, porém não tão bem cuidado. Lembrou-nos o “Orquidário” de Santos.

Depois disso, caminhamos pela região, visitamos algumas lojas e nos deparamos com diversos anúncios de dentistas e sebos, o que achamos curioso, pois em poucas quadras nos deparamos com muitos deles. Chegamos no Larg0 da Ordem. Já não haviam muitas casas abertas, mas ainda assim, nossa passagem por lá foi muito agradável. Nos deparamos com centros de arte, museus e muitos barzinhos. A rua era de paralelepípedo e as construções com arquitetura colonial, o que nos rendeu muitas fotos. Paramos no Solar do Rosário, uma excelente opção para quem gosta de arte, além de ter um café colonial a tarde bem convidativo. Neste momento acabei recebendo mais uma ligação do trabalho, mas desta vez foi rápida e sem maiores problemas para resolver. Devido ao cansaço da viagem e caminhada, decidimos por voltar ao hotel e descansar uma horinha, e assim o fizemos.

A noite fomos de fato conhecer o shopping Müller e paramos para comer no Babilônia. O restaurante é muito bom, com boa decoração, variadas opções de pratos e porções, além de um atendimento excepcional. Pedimos uma porção de filé mignon temperado e uma de pasteis sortidos. Ambas excelentemente servidas e a preços justos. Permanecemos um bom tempo conversando e quando já não havia mais quase ninguém no restaurante (e no shopping), voltamos para o hotel para descansar e nos prepararmos para o dia seguinte.

Artigos Relacionados:

Diário de Férias: A Preparação

Diário de Férias: 25/11/2011

Diário de Férias: 26/11/2011

Diário de Férias: 27/11/2011

Diário de Férias: Conclusão da Viagem

Diário de Férias: Fotos da Viagem

Advertisements

5 responses to “Diário de Férias: 24/11/2011

  1. Pingback: Diário de Férias: Conclusão da Viagem « Diálogos sobre Cultura, Tecnologia e Ciência

  2. Pingback: Diário de Férias: 26/11/2011 « Diálogos sobre Cultura, Tecnologia e Ciência

  3. Pingback: Diário de Férias: 25/11/2011 « Diálogos sobre Cultura, Tecnologia e Ciência

  4. Pingback: Diário de Férias: A Preparação « Diálogos sobre Cultura, Tecnologia e Ciência

  5. Pingback: Diário de Férias: Fotos da Viagem « Diálogos sobre Cultura, Tecnologia e Ciência

Comentar:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: