Horizonte de Eventos

Reflexões sobre a vida, o universo e tudo mais

Tempo… tempo mano velho…

Hà algum tempo que não escutava esta excelente canção do Pato Fú. Não que esta seja uma das minhas músicas favoritas, porém o tema tratado por ela, o passar do tempo, é algo extremamente significativo, e que nem sempre estamos atentos. Os mais nostálgicos vão lembrar-se também daquela: “O tempo passa, o tempo voa …“, mas o maior detalhe é que a Poupança Bamerindus nem existe mais, porém cá estamos nós.

O mais importante, em se falando do passar do tempo, não é nem as teorias da física que regem o continum do espaço-tempo, do universo e das energias cósmicas que nos cercam desde o Big Bang, mas sim o que estamos fazendo com este tempo. Será que o estamos aproveitando como deveríamos? Creio que, se refletimos cuidadosamente, a resposta seja não, a minha pelo menos é assim.

No dia a dia estamos lá trabalhando das 8 às 18 horas, alguns até mais que isso, depois voltamos para nossas casas, e nem sempre conseguimos nos dar conta de que o tempo está passando e pouco estamos realizando. Qual tem sido a sua contribuição para o mundo? Será que estamos firmes com as rédeas da vida ou estamos apenas sendo um peão em um tabuleiro de xadrez comandado pelos outros?

Lutemos contra este jogo! Viremos o tabuleiro a nosso favor! As melhores maneiras de aproveitar o tempo não é trabalhando ou sendo esnobes com os outros, mas sim quando estamos atendendo nossas necessidades mais intrínsecas, mais básicas, de auto-conhecimento, as quais somente nos fortalece diante do mundo que nos cerca, e nos trás, não apenas conhecimento, mas sim sabedoria. Esta sim tem valor.

Diante disso, família e amigos são as principais ferramentas para a conquista desta evolução como o “Ser Humano” que somos, são com eles que devemos estar com o passar do tempo, valorizando-os e retribuindo a eles o que são para nós.

Que o tempo passe, que o tempo voe… e que estejamos aqui juntos fazendo a diferença para o mundo!

Claudio Bassani

Advertisements

One response to “Tempo… tempo mano velho…

  1. Pingback: O último desafio: reconhecermos a nós mesmos | Horizonte de Eventos

Comentar:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: